segunda-feira, 31 de março de 2008

# 257 - Emma e o Coelho Darjeeling





"O Coelho Darjeeling aguardava a Primavera. Estaria ainda Março a pintar o céu de tons laranja acobreados, ou já Abril sorria, radiante, por retomar as suas brincadeiras de infância? Nunca saberemos. Apenas nos era permitido sentir o aroma floral e adocicado, expectante e sublime, que dançava na floresta e convidava a vida a desabrochar.
O Coelho Darjeeling não aguardava a Primavera por mero acaso. Sabia que a Primavera iria trazer até si a sua amiga Emma. Recordava-se tão bem dela... Se a descrevesse, poderia considerá-la como o "champanhe das mulheres": era selecta, mas não prepotente ou snobe, delicada e frutada. Pensou: "Por isso aprecio tanto a sua companhia, temos tanto em comum!". Por instantes, permitiu à sua memória viajar pelos chás das cinco que ambos adoravam, em que as tardes procuravam ardentemente encontrar a claridade da manhã mas pareciam correr de forma desalmada para o anoitecer. Faltava tão pouco para o encontro de ambos..."


Anel de botões em madrepérola (aro ajustável).
Peça de M.

3 comentários:

Pratas disse...

Elá, muito original! :)

Sue disse...

Muito bonito, adoro o madrepérola colorido!

Bejinhos

MIMI disse...

O anel está giríssimo! Vermelhos, purpúras, violetas ... adoro!
Quantos a esses dois amiguinhos, tenho pena de não conhecer o de 4 patinhas! Um chá na sua companhia deve ter um sabor bem diferente!...

Beijinhos